segunda-feira, 23 de agosto de 2010

Nada vai permanecer no estado em que está

Acabo de receber a notícia que um casal muito querido acabaram o namoro, fiquei profundamente triste, inclusive me segurei pra não chorar lá mesmo, na porta da igreja. Casais perfeitos não deveriam separarem nunca! Isso me fez pensar na vulnerabilidade daquilo que acreditamos ser concreto e pior, na nossa maçante ignorância de acreditar que tudo é pra sempre, não enxergamos que só Deus é eterno e só a vida com Ele é pra sempre. Hoje foi também o dia de ser ignorada, infelizmente não foi uma crise só minha uma amiga também comentou que ela parecia estar invisível. Eu me frustrei porque quando penso nisso me convenço de que era impressão minha, mas com a impressão dos outros não consigo me convencer disso, amanhã já terei esquecido, acredite! Os bons estão comigo e isso é que importa. Tem uma frase que gosto muito: “quem ama e espera ser amado não sabe amar” Me dedico muito aos meus amigos, as vezes ate por gente que nem conheço. Quantas vezes ouvi obrigado ou recebi a mesma dedicação? Melhor nem comentar pra não parecer pessoal, mas foram poucas. E quantas vezes eu não retribui um gesto bom? Milhares! Falta gentileza que gera gentileza, um cumprimento por mais superficial que seja, um sorriso, atos que não vão matar ninguém, e simpatia misturada com educação dá uma receita boa! Enfim, alguns namoros não duram, alguns amigos não duram, alguns sentimentos não duram (no meu caso alguns ficam por segundos em mim), mas ninguém é de ninguém mesmo! Só participamos da vida do outro. Um me ignora hoje, amanhã conheço alguém mais educado e disposto a uma nova amizade e que dure pelo tempo que durar.

quinta-feira, 19 de agosto de 2010

Muda que o mundo muda coma gente.

Sim, precisa mudar, eu não vou adaptar ao seu jeito!